noticias

Rainha e Princesas apresentam trajes oficiais para a Festa da Uva de 2019


Caxias do Sul conheceu na noite desta quarta-feira, 1° de agosto, os trajes que a Rainha Maiara Perottoni e as Princesas Milena Remus Caregnato e Viviane Piamolini Gaelzer usarão no período de divulgação da Festa Nacional da Uva 2019. A presidente da Comissão Comunitária da Festa Nacional da Uva, Sandra Mioranza Randon, lembrou que o evento marca o início da divulgação da festa que ocorre de de 22 de fevereiro a 10 de março de 2019.

A apresentação oficial das peças ocorreu no Restaurante Don Claudino, e contou com a presença das Embaixatrizes da Festa, autoridades e convidados. Os vestidos, idealizados pela figurinista, pesquisadora e especialista em Vestuário Tradicional da Universidade de Caxias do Sul, Véra Stedile Zattera, começaram a ser desenvolvidos após a escolha das Soberanas, no dia 19 de maio.

Conforme a figurinista as peças foram inspiradas nos imigrantes oriundos na região Trentino Alto Ádige, na Itália, em especial nas localidades de Val Gardena e Bolzano. ” Buscamos na raiz da imigração a consistência do traje tradicional italiano. Os modelos homenageiam as mulheres provindas do Trentino e as muitas outras imigrantes trentinas que se instalaram em Caxias, principalmente no chamado Vale Trentino, que abrange a região de Caxias e Forqueta”, explica.

Os Trajes
Os figurinos das soberanas de Festa Nacional da Uva de 2019 primam pela elegância e cuidado histórico, com referências à etnia que desbravou Caxias do Sul, dentro do período histórico que compreende o século XIX até os primeiros anos do século XX.

Rainha e princesas usarão peças criadas pela pesquisadora Véra Stédile Zattera. Fotos: Mauro Teixeira

Traje Social
O traje social da rainha prima pela história com modelagem tradicional e traz a contemporaneidade na delicadeza e imponência de rendas mescladas com tecidos nobres como zimbeline, brocado e veludo. As cores escolhidas foram nude, vermelho, dourado e preto. O traje corpete que possui amarrações feitas nas roupas de época e que permitem entrever o branco da camisa íntima, além de um avental.
As princesas usam trajes idênticos, elaborados em brocado acetinado, veludo e rendas. O social tem brocado italiano na cor lilás, rendas brancas e detalhes de veludo na cor azul marinho. O corpete foi confeccionado com rendas brancas, assim como o avental e a delicada blusa.

Traje de Passeio
Para os compromissos do dia a dia,o figurino da rainha conta com tecidos mais leves, como tafetá de seda, mantendo as mesmas tonalidades do vestido de gala: Nude, vermelho, dourado e preto. Os bordados sobre o brocado italiano ou sobre cetim, ambas as saias, é uma homenagem a uva. O corpete possui amarrações e o avental enriquece o conjunto, mostrando a imponência em uma peça de labor.

Para as princesas, o traje,em zibeline na cor verde – tonalidade das folhas das parreiras; tem complementos com rendas brancas e detalhes dourados. O corpete possui rendas douradas sobre o mesmo verde, além do avental e da blusa de rendas brancas.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *