noticias

Homem é torturado e morto em chácara de Santa Lúcia do Piaí, em Caxias do Sul


O corpo relacionado a nona morte do mês de agosto foi encontrado no início da tarde deste domingo, dia 5, em Santa Lúcia do Piaí.

O crime ocorreu em uma propriedade rural na localidade de Linha São Paulo. De acordo com a Brigada Militar a vítima identificada como Silvio Mondin Netto, 57 anos, trabalhava como ourives e atuava no conserto de jóias de varias relojoarias de Caxias, e nos finais de semana costumava frequentar a chácara.

Silvio Mondin Netto, 57 anos, teria sido morto ainda no sábado a noite. Foto: Mauro Teixeira

Conforme informações da Polícia Civil o crime teria ocorrido ainda na noite deste sábado, dia 4. A mulher da vítima, que trabalha em um salão de beleza no centro de Santa Lúcia do Piaí, recebeu uma mensagem via WhatsApp onde Silvio teria dito que viria até a propriedade, ainda na noite de ontem para fazer a venda de algumas aves que ele criava no local. A polícia desconfia de que a mensagem não tenha sido enviada por Silvio, uma vez que o horário que a mensagem foi enviada, ele já poderia estar morto.

Pela manhã ela esteve na chácara e não o encontrou, a partir daí a Brigada Militar foi acionada e iniciou as buscas na região. O corpo foi encontrado cerca de 300 metros distante da casa onde a vítima morava. De acordo com a perícia a vítima teria morrido com varias facadas e também havia indícios de tortura, uma vez que os dedos teriam sido arrancados e na cena do crime havia uma corda que teria sido usada pra amordaçar a vítima durante o crime.

Conforme informações do delegado plantonista Guilerme Olsen Gehard, o crime pode ser considerado latrocínio, já que do local foram roubadas uma moto Honda/Twister placas, INO-0224 e um Volkswagen/Kombi, placas IGC-1447 pertencente a vítima. Além dos veículos também foi roubada uma pasta onde Silvio guardava anotações sobre a atividade que exercia.

Esse já é o nono registro de homicídio em Caxias do Sul somente nestes primeiros cinco dias do mês de agosto. Julho terminou, o mês mais violento encerrou com 21 mortes. No balanço total do ano já são 84 mortos em 2018.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *